Publicidade

Publicidade
ÚLTIMA HORA

Fortaleza perde por 1 a 0 para o Independiente, mas deixa confronto "vivo" para a volta

Foto: Reprodução
Está tudo sob controle. A ideia do Fortaleza era fazer um jogo parelho na Argentina diante do Independiente para se manter "vivo" para a segunda partida, dia 27, no Castelão.

A derrota por 1 a 0 em Avellaneda deixa a situação de classificação para a segunda fase da Copa Sul-Americana totalmente aberta. Em casa, o Leão precisa vencer por dois gols de diferença para eliminar os argentinos, mas se devolver o mesmo placar, a decisão vai para os pênaltis.

O que o Tricolor precisa evitar é tomar gol jogando no Castelão, devido o critério de desempate do "gol qualificado". Qualquer vitória do Fortaleza por um gol de diferença que não seja 1 a 0, classifica o Independiente.

Pelo que o Leão jogou no estádio Libertadores de América, o torcedor tricolor tem todo o direito de ficar confiante numa classificação em casa. A estratégia traçada pelo técnico Rogério Ceni foi equiparar a intensidade com a dos argentinos e, pelo menos no primeiro tempo, deu muito certo.

Com roubadas de bola antes da grande área de defesa ou em recuperações com a linha de impedimento precisa, o Tricolor apostava em transições rápidas, explorando um ataque formado por jogadores de velocidade.

Ceni abriu mão de um centroavante para ter em campo David, Romarinho, Mariano Vázquez e Osvaldo. O atacante cearense foi a principal peça ofensiva do Leão, puxando contra-ataques e criando as melhores chances.

Ele teve chance cara a cara com o goleiro Martín Campaña e chutou por cima. Depois, colocou David de frente com o arqueiro uruguaio e Romarinho de frente para um gol aberto, mas os dois desperdiçaram as oportunidades.

O Rey de Copas teve mais volume de jogo, mas chances menos claras. Antes de marcar, no início do segundo tempo, ficou no quase com Silvio Romero, na pequena área e em cabeçada perigosa com Benítez — que bateu na rede pelo lado de fora e arrancou um grito de gol da torcida argentina.

O único gol da partida saiu aos cinco minutos da etapa complementar, numa jogada característica do Rojo. Romero lançou bola de longe para Bustos, na grande área, pela direita. O lateral cruzou para trás e Fernández dominou com a perna esquerda para depois finalizar.

O segundo tempo foi mais complicado para o Fortaleza executar a mesma estratégia, pois Ceni teve de abrir mão de um velocista (David) para a entrada de Michel, que entrou na vaga de Quintero — expulso por dar um tapa em Sanchez Miño. O lateral-esquerdo do Independiente também foi expulso, pelo segundo amarelo. Ambos estão fora do jogo da volta.

O Povo Online
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments
Item Reviewed: Fortaleza perde por 1 a 0 para o Independiente, mas deixa confronto "vivo" para a volta Rating: 5 Reviewed By: SOBRAL EM FOCO