Publicidade

Publicidade
ÚLTIMA HORA

Silvio Santos ignora votação que dava prêmio a cantora negra e é acusado de racismo na internet

Foto: Reprodução/YouTube
Durante um concurso onde cantoras interpretavam a mesma música competindo pela preferência do público, o apresentador Silvio Santos ignorou a votação da plateia e escolheu, por conta própria, a vencedora da competição. A escolha, segundo ele, se deu pela beleza da competidora. A cantora escolhida pelo público, uma mulher negra, venceu com 84 pontos - 76 pontos a mais que a segunda colocada.

O jogo, intitulado "Quem você tira", contava com quatro participantes que interpretaram versões de algumas músicas, como Minha Pequena Eva, da Banda Eva, e Dona de Mim, da cantora Iza. Depois das apresentações, Silvio Santos pediu à plateia que escolhesse a melhor competidora. A votação do público, através de um aparelho eletrônico, indicaria a vencedora.

Durante a apresentação da música Dona de Mim, Jennyfer, que foi a última a cantar, foi interrompida pelo apresentador logo no início. "Pode parar, pode parar. Essa música é muito chata, não quero nada disso", afirmou Silvio Santos. O mesmo não foi dito durante a apresentação das três cantoras anteriores, que interpretaram a mesma música.

Mesmo com a interrupção, o placar final indicou que a cantora Jennyfer Oliver havia vencido a atração com uma vantagem considerável. Ela recebeu 84 votos, ante 8 pontos da segunda colocada, Bia Morais; 5 votos em Juliani, a terceira colocada; e apenas 3 votos na quarta colocada, Pamela Yuri.

Entretanto, Silvio não aceitou a votação e interferiu no resultado final. O mesmo valor de premiação foi dado para todas as competidoras. "É 500 (reais) para cada uma, eu vou escolher a melhor das quatro", explicou ele. "Juliani, você ganhou. Você é muito bonita, canta bem e ganhou mais 500 (reais)", completou.

Após a exibição do concurso, o assunto esteve entre os assuntos mais comentados do Twitter, onde usuários apontavam um comportamento racista por parte do apresentador. "Se você é preto, tentarão sempre criar 'regras' para te impedir de vencer. Ser bom ainda é pouco, e isso vale pra qualquer coisa", afirmava um dos comentários.

O programa foi exibido no domingo, 8, mesmo dia em que a sul-africana Zozibini Tunzi venceu o Miss Universo 2019. Ao receber a coroa, a modelo destacou mensagens contra o preconceito e o racismo: "A sociedade foi programada durante muito tempo para que não ver a beleza negra. Mas agora estamos entrando em um tempo em que finalmente as mulheres como eu podem saber que somos bonitas”.

Ao ver a repercussão negativa nas redes sociais, Jennyfer Oliver usou seu Instagram para comentar o ocorrido. Através dos stories, ela confessou ter ficado "super constrangida", mas não expôs a situação porque o programa não havia sido exibido.

"Eu jurava que ia ser editado, e eles iriam pular essa parte que ele me barrou de cantar a música. Em nenhum momento eu postei nada dizendo que ele foi racista comigo, ou algo do tipo. As pessoas sentiram e comentaram, postaram coisas no Twitter e no Instagram", declarou.

"Ele escutou as três cantarem, e quando chegou na minha vez ele barrou, falou que a música era muito chata. Enfim, se a música era chata ele deveria ter parado pela primeira vez. Acabou que ele [Silvio] gostou da Ju, ele falou que ela ia ganhar mais R$ 500 porque ela era mais bonita. Só que aí entra aquela questão, o quadro era para cantoras, não pela beleza".

Segundo Jennyfer, ela não pretende entrar com nenhum tipo de ação legal contra o programa ou o apresentador. "Não vai adiantar processar, vai continuar do mesmo jeito. Eu vou ser prejudicada, nunca mais vou participar de emissora nenhuma. O que manda é o dinheiro, ele pode comprar advogado, pode calar a minha boca", lamentou.

A cantora Marília Mendonça usou seu twitter para divulgar o trabalho de Jennyfer. "Toma todos os prêmios e visibilidade do meu Instagram e Twitter pra você, sua linda! Você merece!", publicou. O tweet já foi curtido mais de 44 mil vezes. 

O Povo Online
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments
Item Reviewed: Silvio Santos ignora votação que dava prêmio a cantora negra e é acusado de racismo na internet Rating: 5 Reviewed By: SOBRAL EM FOCO